Ação Internacional deve impactar o algodão colorido natural e orgânico

Santa Luzia Redes e Decoração

 

O algodão representa 65% dos insumos têxteis, o que caracteriza esta matéria-prima como estratégica para a indústria nacional. No entanto, o uso intenso de água e de pesticidas transformaram o algodão comum em um dos commodities mais poluentes do mundo. O “Desafio do Algodão Sustentável de 2025”, orientado pelos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, garantiu um acordo com 39 empresas transnacionais que se comprometeram a desenvolver produtos com algodão 100% sustentável. No Brasil, menos de 1% da produção de algodão é de origem orgânica. Incluído na porcentagem, o algodão colorido vem ganhando protagonismo.

Redes de dormir da Santa Luzia Redes e Decoração na SPFW 41

Redes de dormir da Santa Luzia Redes e Decoração estão na Moda

Santa Luzia Redes e Decoração

As redes de dormir entraram na passarela transformadas em roupas pelas mãos do estilista João Pimenta. A coleção foi exibida na 41ª SPFW com a parceria da Santa Luzia Redes e Decoração, que ofereceu tecidos de algodão colorido orgânico e de fios reciclados de algodão / garrafas pet (em parceria com a Natural Cotton Color).

Estilista João Pimenta faz visita técnica à fábrica da Santa Luzia Redes e Decoração

Estilista João Pimenta faz visita técnica à fábrica da Santa Luzia Redes e Decoração

Santa Luzia Redes e Decoração

Em janeiro de 2016 a Santa Luzia Redes e Decoração recebeu a visita de João Pimenta que veio a Paraíba conhecer algumas etapas da cadeia produtiva do algodão orgânico colorido. Recepcionado por Armando Dantas (CEO), na sede da empresa, localizada na cidade de São Bento no sertão paraibano, o estilista conheceu os produtos feitos com matérias primas sustentáveis, algodão orgânico colorido e algodão reciclado.